Senado quer investigação de preços de passagens aéreas no Rio Grande do Norte

A pedido de Jean Paul Prates, Comissão de Assuntos Econômicos aprovou abertura de inquérito pelo Cade para apurar abusos no estado

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, aprovou, nesta terça-feira, 26, requerimento solicitando ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a abertura de inquérito administrativo para apurar abusos nos preços cobrados por companhias aéreas no Rio Grande do Norte. A proposta foi apresentada pelo senador Jean Paul Prates.

“Queremos que o Cade investigue as tarifas áreas no Rio Grande do Norte”, justificou o parlamentar. “Os consumidores e o setor turístico e hoteleiro do Rio Grande do Norte estão preocupados com os preços das passagens áreas cobradas pelas empresas”.

Jean Paul destacou que as passagens chegam a custar o dobro do preço, quando comparadas com as tarifas cobradas pelos estados do Ceará e de Pernambuco, que são vizinhos.  “Não conseguimos respostas para entender a composição desses preços no Rio Grande do Norte”, criticou o senador.

Na semana passada, Jean Paul esteve no Cade, junto com o deputado estadual Hermano Morais (MDB-RN) para denunciar os preços das passagens aéreas domésticas e internacionais no estado. Eles estiveram reunidos com o conselheiro Mauricio Oscar Bandeira Maia, do Cade.

Foto: Vinícius Ehlers